Faça algo que te de medo


Tudo bem, esse é um dos títulos mais estranhos dos textos aqui do blog e não, o texto de hoje não é sobre ele, nem sobre o amor, mas sobre o medo.
Acho que todo mundo em algum momento da vida vai ser dominado por isso e tudo o que precisamos em um momento como esse é ver aquela luz lá no fim do túnel.
Estou falando isso por mim e por vocês. Ultimamente ando vendo alguns relatos mais pessoais nos blogs e acho que não devemos mostrar só uma face da gente, não temos que ser as mesmas pessoas sempre e nem aparentar felicidade em todos os momentos. Somos frágeis e assim como temos aqueles momentos de alegria infinita também temos os ansiosos e regados pelos medos. Isso é totalmente normal e acredite, passa e tudo fica bem.
Pode ser medo de se declarar para aquela pessoa (faça um x aqui ao lado porque com certeza sou eu). Também pode ser o medo do futuro (outro x, por favor), ou medo da faculdade que vai fazer, de perder alguém, de passar a vida sozinha, ou qualquer outra coisa que pareça bobo. Só parece, porque o medo é muito real para quem está sentindo e parece a pior coisa do mundo.
Então, o conselho que irei dar (e que serve para mim também) é respirar. Nesses momentos de angustia e ansiedade temos que respirar fundo (cheirar uma flor e assoprar uma vela funciona), desabafar com algum amigo, escrever (funciona muito pra mim), ouvir música e lembrar dos momentos felizes. Quando estamos em dias ruins, temos a mania de só lembrar dos dias tristes, então faça uma lista, pode ser até no saco de pão, das coisas mais legais que aconteceram com você. Isso vai fazer com que se lembre que sua vida teve muito mais momentos felizes do que tristes.
Outra dica importante é não deixar de fazer nada por medo. A Karol Pinheiro (da Capricho, Youtube e livro as coisas mais legais do mundo) falou isso em um de seus vídeos e eu percebi que ela tinha toda a razão. Nunca deixe de fazer nada por medo de errar e uma dica é fazer todo dia algo que te de medo.
Por exemplo, tem medo de viajar sozinho, um bom começo é sair de casa e ir até a pracinha, assim vai se acostumando com a sensação. Agora, se você tem medo do futuro, a única coisa que pode fazer é se focar no presente. Não sabemos como essa aventura vai acabar e fica preso pensando em como vai ser (se vai ficar doente, se vai conseguir casar, ter filhos, um bom emprego), só vai servir para despertar a ansiedade e fazer com que fique pior.
A dica de ouro mesmo é se empenhar para fazer do dia de hoje o mais importante. Esqueça o mico da sexta série, ou daquele encontro com o carinha do curso de inglês da semana que vem. Deixe para se preocupar com o futuro quando a situação estiver perto e do passado? Bem, já passou. Não há nada que possamos fazer.
Esse é um dos textos mais diferentes do blog e senti a necessidade de escrever um pouquinho sobre a vida real. Como eu disse antes: não somos os mesmos sempre. Às vezes o mundo não é sobre se apaixonar, mas sobre viver e nem todo mundo vive porque tem medo e o medo não deve te impedir de realizar seus sonhos, ou de se arriscar. Somos seres humanos suscetíveis a erros o tempo todo. Eu erro, sua mãe erra, sua melhor amiga e até o carinha que você julga perfeito.
Vamos encarar o medo, lutar com uma luva de boxe e o empurrar para fora do ringue.
E aí, já fizeram algo que deu medo hoje?
- Jariane Ribeiro


Share this:

JOIN CONVERSATION

10 comentários:

  1. Jari meu amor, esse foi o melhor dos melhores textos que já li aqui no seu blos.
    Por favor, escreva mais textos como este :)
    "Agora, se você tem medo do futuro, a única coisa que pode fazer é se focar no presente"
    Eu estou passando por isso, medo do futuro. Todos os dias me pego pensando se fiz as escolhas certas em minha vida, a todo momento eu acho que estou seguindo pela direção errada sabe? Aquela sensação de que a profissão tá errada a vida tá errada e que de alguma forma tudo poderia ser de outro jeito. Eu ando passando por esse conflito interno, é uma guerra sem fim que me arranca rios de lagrimas. Eu queria muito ter a certeza de alguma coisa nessa vida, mas eu não tenho certeza de nada e a cada dia que passa eu me sinto mais perdida nesse mundo.
    Esse texto chegou na hora certa <3 muito obrigada.
    A partir de agora focarei mais em meus sonhos e em meu presente. O futuro é tão incerto e distante né, e só depende de mim, de nós.
    Parabéns pelo texto jari <3
    http://meiosentimental.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Jessie, seu comentário me deixou muito emocionada. Escrevi esse texto porque também estou passando por esses momentos de ansiedade e incertezas. Fiquei muito feliz de poder ter te ajudado. Faça exatamente isso. Sonhe, sonhar é o melhor remédio para tudo, isso e o foco no presente. O hoje, aqui e agora.
      Entregue, confie e agradeça, independente do que acontecer. Esse é meu lema de vida.

      Excluir
  2. Que texto lindo! Muito inspirador. Bom, nunca fui do tipo de deixar de fazer algo devido ao medo, muito pelo contrário: até tenho medo algumas vezes, mas não me impede de fazer nada, faço muitas coisas mesmo com medo, sou sincera até onde não da mais, e não tenho muita vergonha kkk
    Mas o que realmente me deixa abalada é me sentir só, desamparada como se eu só fosse um peso, algo que puxa as pessoas pra baixo. Às vezes simplesmente me fecho, e fico dias sem conversar, sem dormir e sem comer direito. Eu vivo aconselhando as pessoas a deixar o medo delas de lado, só que a verdade é que quando é comigo, esqueço de todos os conselhos que já dei e serviriam pra mim haha
    Às vezes só me sinto insuficiente, impotente e vazia. Vai entender o porquê... Espero que escreva muitos outros textos como esse aqui ^-^
    Beijos ❤

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acredito que todo mundo passa por isso, Melissa. Damos conselhos que na hora em precisamos não serve pra gente, mas a vida é feita de ciclos. Cada etapa é necessária para que evoluímos, creio que nada é de graça e com esse pensamento vou seguindo minha vida, tendo forças para sempre continuar ^^

      Excluir
  3. Jariane!
    Vale comprar livros que não conhecia pra ler - perder o medo de não gostar? Perder o medo de livros grandes? Bem... Estou perdendo o medo de dirigir também - como quero ir ao shopping com os friends se não tenho nem coragem de encarar o transito né? Perder o medo do futuro e de se declarar... Estou trabalhando nisso ainda HEHEHE
    Mas adorei o texto.. Realmente temos que fazer algo para perder o nosso medo de cada sim, amei MESMO! Dá uma coragem pra gente <3

    Ah e não sabia que o Chris Wood tinha feito The Vampire Diaries.... Tão lindo né? <3

    Um beijo!
    Pâm - www.interruptedreamer.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vale para qualquer tipo de medo, tudo que nos prenda e que nos impeça de ir para frente está valendo, sejam medos reais, ou aqueles que a gente mesmo inventa por medo do novo ^^
      Meu lema é sempre seguir em frente, independente de tudo ♥

      Excluir
  4. Muito bom, adorei.
    Parabéns pelo blog, adorei o post.
    Segue o blog, te seguindo como Art of life and books. <3
    Art of life and books

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada!
      Fico muito feliz que tenha gostado ^^
      Vou seguir de volta sim *--*

      Excluir
  5. Vi seu texto no blog da Mel e apaixonei, venho aqui e me deparo com palavras lindas. Eu sempre faço coisas que me da medo, eu tenho a teoria de que quando estou com medo eu faço as coisas mais centradas e a chance deu errar é menor por causa das consequências hahaha
    Adorei :*

    www.cherryacessorioseafins.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada! Não tinha pensado ainda por essa sua perspectiva, ela está corretíssima ♥

      Excluir